quarta-feira, 26 de outubro de 2016

ECONOMIA: PEC 241, RUIM COM ELA, PIOR, E MUITO PIOR, SEM ELA.

EXCLUSIVO! A 'PEC DO TETO DE GASTOS PÚBLICOS'. OU: 

COMO OS BRASILEIROS ESCAPARAM DE UM REGIME 

COMUNISTA.

http://aluizioamorim.blogspot.com.br/


A famosa "PEC do teto de gastos" foi aprovada na Câmara dos Deputados e segue agora para o Senado. Trata-se de uma medida salvacionista já que a bandalha do PT raspou o fundo do tacho.

A grande mídia jamais se refere ao fato de que o modus operandi dos desgovernos de Lula e seus sequazes atendeu com rigor o método comunista. Trata-se de levar a bancarrota um país para dominar seu povo por meio da miséria permanente, como ocorreu em Cuba. Lá, com o apoio da então camarilha de Moscou e com a vergonhosa leniência do festejado John Kennedy, do Partido Democrata agora pertencente aos Clinton, Cuba foi comunizada.

O mesmo aconteceu na ex-próspera Venezuela, graças a Hussein Obama, o supremo títere da vagabundagem globalista. A diferença é que desta feita nem precisaram dos paredóns. O títere da dupla de assassinos Fidel e Raúl, o famigerado e agora defunto Hugo Chávez, fez o serviço mergulhando o povo venezuelano na miséria. Sob o permanente espectro da fome qualquer povo sucumbe a qualquer tirania.

O mesmo estava em andamento no Brasil sob a condução de Lula e seus sequazes. Entre o séquito se inclui o dito "núcleo duro" da economia que são os grandes empresários, banqueiros e suas mega corporações. Na Venezuela, denominam esses capachos dos comunistas de "boliburgueses", ou seja "burgueses bolivarianos". 

A tal PEC do teto de gastos governamentais que acaba de ser aprovada na Câmara dos Deputados é a prova cabal do que viria a ocorrer no Brasil não fosse a Operação Lava Jato e o Juiz Sergio Moro. Por um acaso o esquema comunista foi descoberto. Afinal, a Polícia Federal de Curitiba estava no encalço de bandidos comuns qualificados de doleiros. Lá pelas tantas estabeleceu-se um link com a Petrobras e descobriu-se o famigerado petrolão. Seguindo o dinheiro a Operação Lava Jato descobriu todo o esquema orquestrado pelo PT, enquanto o povo brasileiro decente foi para as ruas de onde não saiu mais até que Dilma fosse, como de fato foi, afastada da presidência pelo processo de impeachment.

É isso que aconteceu. Por um acaso o povo brasileiro foi salvo pelo gongo, como se diz. A rapinagem do erário foi descoberta em cima do lance já que faltava pouco para a bandalha comunista inventar uma história de crise internacional ou encenação análoga para decretar o racionamento dos alimentos, dos combustíveis, dos medicamentos e assim por diante. Face a reação popular que evidentemente ocorreria o governo de Lula e seus asseclas com a conivência dos "amigos" mega empresários decretaria o "estado de sítio" e a censura aos meios de comunicação e à internet! Quanto a esta última decisão nem precisaria mais esforço. Afinal, o então ministro sem pasta hoje com tornozeleira João Santana, já teria em mãos um esquema contando com o beneplácito dos alegres rapazes e raparigas da grande mídia, ou seja os vagabundos mentirosos que até hoje continuam inconformados com o naufrágio do lulopetismo, com o fim das suculentas mortadelas.

Esta é a verdadeira história que nenhum jornalista da grande mídia brasileira irá contar. Eles continuarão mentindo, escamoteando a realidade dos fatos, tergiversando de forma criminosa. Tanto é que a indefectível Folha de S. Paulo chega a publicar artigos assinados por Lula.

O governo do Presidente Michel Temer teria outra opção? Me digam aí. Me provem o contrário. Nunca na história deste país chegou-se tão fundo no fundo do poço. Se não fosse a Lava Jato e o povo nas ruas já estaríamos em fila indiana na porta dos supermercados com as prateleiras vazias, igualzinho à Venezuela e acossados pela Força Nacional desferindo o cassetete no nosso lombo.

Esta é a verdadeira história da Proposta de Emenda Constitucional - PEC, destinada a estancar para sempre a sangria dos cofres públicos. Deve-se todavia notar que a roubalheira de dinheiro público sempre aconteceu e acontecerá em todos os países. A diferença é que houve de fato, à sorrelfa, a roubalheira que enchia os bolsos de alguns mas que tinha em mira a criação de um verdadeiro estado de calamidade pública quando então os ditos mecanismos da lei e da ordem são brandidos não mais em favor do povo, mas para aprisioná-lo eternamente.

Mais claro do que isso só mesmo água cristalina. Escapamos por pouco, muito pouco. É por tudo isso que a PEC do teto de gastos do governo tem de ser aprovada nem que for a pau!


Aliás, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, demorou para mandar retirar das galerias da Casa aquela meia dúzia de teleguiados de Lula com as bocas todas sujas de mortadelas, as últimas que se encontravam nos cafofos do PT, PSOL, Rede da Marina da Selva, PDT do boçal defunto Brizola, e outras agremiações nano-esquerdistas menos votadas.

É muito importante que os eleitores brasileiros neste segundo turno das eleições municipais votem maciçamente contra qualquer candidato de viés esquerdista ou que conte com o apoio desses comunistas vagabundos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Qual sua opinião sobre isso?