quinta-feira, 20 de julho de 2017

CURIOSIDADE: PORQUE O HOMEM NÃO MAIS VOLTOU À LUA?



POR SALVADOR NOGUEIRA

No dia 20 de julho de 1969, exatos 48 anos atrás, pela primeira vez uma espaçonave tripulada pousava na superfície da Lua. Apenas algumas horas após a alunissagem, Neil Armstrong e Buzz Aldrin se tornariam os primeiros humanos a caminhar sobre outro corpo celeste. Estava provado que a humanidade podia mesmo visitar outros mundos e não estava limitada a seu planeta de origem.
Após a Apollo 11, outras cinco missões tripuladas realizariam pousos na Lua, entre 1969 e 1972. Depois disso, contudo, ninguém mais voltou lá. Como esta jornada incrível foi acontecer e por que não se repetiu até hoje? Seria assunto para um livro inteiro, mas não temos todo esse tempo agora. Então, em comemoração ao 48° aniversário da histórica missão, o Mensageiro Sideral traz apenas um (longo) resumo da ópera.
No mais novo episódio de CONEXÃO SIDERAL, Buzz Aldrin relembra momentos da jornada. Logo depois, confira a incrível história de como humanos pela primeira vez deixaram nosso planeta para fazer a jornada até a Lua. E, para os bravos guerreiros que chegarem até o final do texto, algumas respostas para perguntas comuns sobre as famosas viagens que, sim, real e indiscutivelmente aconteceram.
PERGUNTAS QUE INSISTEM EM NÃO CALAR
1- Se realmente os americanos foram à Lua entre 1968 e 1972, por que jamais retornaram?
São basicamente duas as razões. A principal é custo. Com o fim da corrida espacial, não havia motivação suficiente para gastar o que seria necessário para manter ou expandir o Projeto Apollo. Na verdade, o grande projeto seguinte adotado pelos americanos foi o dos ônibus espaciais, justamente na esperança de reduzir o custo das missões espaciais. Não deu certo, os ônibus, apesar de reutilizáveis, se mostraram caros demais, e por isso nunca sobrou dinheiro para sequer tentar uma volta à Lua – até agora. Recentes evoluções da tecnologia, como os foguetes reutilizáveis (e baratos) da SpaceX de Elon Musk, e novas diretrizes estratégicas, como a aposentadoria dos ônibus espaciais, humanos brevemente estarão de volta à órbita lunar. Certamente isso acontecerá antes de 2025.
2- Quem filmou a descida de Neil Armstrong à superfície, se ninguém estava lá antes dele chegar?
A câmera de TV era instalada do lado de fora do módulo lunar e era posicionada e ativada pelo astronauta na descida pela escada. Depois que ela foi ativada e controle da missão confirmou a recepção das imagens, Armstrong recebeu a autorização para descer os últimos degraus da escala e marcar sua bota no solo lunar.
3- E as inconsistências nas imagens, que mostram a bandeira tremulando, sombras não paralelas e penumbra sem atmosfera?
Essas ditas “inconsistências” na verdade são totalmente consistentes com a realidade lunar. Uma observação atenta das imagens mostra que a bandeira não tremula realmente, mas apenas balança respondendo à vibração do mastro conforme os astronautas a fincam no solo. As sombras são tão paralelas quanto possível num terreno irregular e acidentado. Qualquer observação de sombras sob o Sol, na Terra, mostrará que elas não se mostram paralelas sobre um terreno que não é plano. E é falsa a ideia de que a regiões não iluminadas diretamente pelo Sol deveriam ser completamente escuras na Lua. A questão da penumbra não tem nada a ver com a presença ou não da atmosfera, mas sim com a presença de fontes secundárias de luz. Quaisquer objetos que refletissem luz – como a superfície da Lua ou mesmo as roupas brancas dos astronautas – serviriam para iluminar parcialmente o ambiente na sombra.
4- E aquele papo de a Nasa ter perdido as imagens da missão Apollo 11?
Há um grande exagero nessa “perda”. As missões foram registradas com câmeras de filme fotográfico de altíssima qualidade, e nenhum dos vídeos ou fotografias obtidos assim foi perdido. A única coisa que a Nasa, por acidente, apagou foi a fita magnética que estava gravando o sinal original de TV recebido da Lua para a transmissão ao vivo. Uma estupidez, mas nada chocante, levando em conta que essas imagens já tinham baixa qualidade mesmo na versão original e se prestavam somente para exibição ao vivo. Ainda assim, a agência espacial americana fez grande esforço para “remasterizar” esse material, a partir de incontáveis cópias disponíveis em vários arquivos de TV espalhados pelo mundo, de forma que não há um segundo sequer da missão que não tenha seu vídeo hoje disponível.
5- E a entrevista do Stanley Kubrick no YouTube dizendo que ele filmou a missão Apollo 11 num estúdio?
Essa é uma das coisas mais bizarras da era “fake news”. O sujeito não se parece com Stanley Kubrick, não fala como Stanley Kubrick, mas tem gente que acredita que seja Stanley Kubrick. O mais engraçado é que no YouTube mesmo você pode encontrar trechos cortados dessa “entrevista” em que o diretor indica ao ator/“Kubrick” o que dizer e como se comportar para a câmera. É o nível de desonestidade típico dos negacionistas contumazes dos pousos lunares.
6- Os cinturões de Van Allen impediriam qualquer missão além da órbita da Terra! Por isso, as missões são falsas!
OK, vá dizer isso às tartarugas russas que viajaram na Zond 5 soviética e deram a volta na Lua em 1968! Na verdade, James Van Allen (e não Van Halen, pelamordezeus) era cientista envolvido com o primeiro satélite artificial da Nasa, o Explorer 1! Ele foi o responsável, em 1958, pela descoberta dos cinturões de radiação gerados pela interação do vento solar com o campo magnético da Terra, que já eram relativamente bem caracterizados na época das missões Apollo. Elas foram projetadas para reduzir ao mínimo a exposição dos astronautas aos cinturões, escolhendo o melhor ângulo para saída da Terra e fazendo a travessia rapidamente. Com efeito, medições foram feitas da exposição dos astronautas à radiação durante as missões e ficou constatado que nenhum deles chegou a sofrer exposições elevadas à radiação. (E temos de lembrar que a Estação Espacial Internacional rotineiramente cruza o mais baixo dos cinturões quando sobrevoa a Anomalia Magnética do Atlântico Sul, uma região em que a radiação deles atinge altitude menor, por razões ainda pouco compreendidas. Ninguém morre de envenenamento radioativo lá.)
7- E o jipe? Como podia caber o jipe grandão no módulo lunar?
O jipe só compôs as missões Apollo 15, 16 e 17. Ele era dobrável e ia numa área de armazenamento do lado de fora do módulo lunar. Os astronautas treinaram na Terra para retirá-lo e desdobrá-lo, e há vídeos tanto do treinamento em solo como da retirada do jipe na Lua. Não é um mistério que resista a uma simples busca de boa-fé no Google.
8- Quem podia filmar a decolagem do módulo lunar se ninguém ficava na Lua?
As decolagens só foram filmadas nas missões Apollo 15, 16 e 17, e o segredo para isso era o jipe, que tinha uma câmera, bateria e uma antena para comunicação com a Terra. Assim, a câmera podia ser controlada remotamente para acompanhar a subida do módulo de ascensão, e as imagens podiam ser enviadas para nós. O difícil era sincronizar o apontamento, por conta do atraso de mais de um segundo entre o comando ser transmitido daqui e chegar até lá. Ou seja, o controlador tinha de ordenar o movimento mais de um segundo antes para a gravação dar certo. E esse sucesso de sincronização só veio com a Apollo 17, num vídeo incrível que mostra o módulo subindo, subindo e subindo, bem mais que o teto de qualquer estúdio de Hollywood.
9- Mas se havia esse atraso nas comunicações, como seria de se esperar, como podem os astronautas conversarem em tempo real com o controle da missão?
Não podem, e não conversam. Há um atraso de alguns segundos entre perguntas e repostas, que pode ser notado com clareza nos áudios originais da Nasa. Às vezes, pelo atraso, eles falam uns por cima dos outros! Evidentemente, para apresentações em programas de TV, muitas vezes o silêncio é cortado para ganhar tempo e dar dinamismo à narrativa. Mas quem viu ao vivo sabe que havia atraso entre as falas. (Confira aqui uma recriação em tempo real do pouso da Apollo 11, que mostra isso!)
10- Por que os astronautas parecem caminhar como se fosse um vídeo exibido em câmera lenta?
A Lua tem gravidade que é um sexto da terrestre, o que exigiu adaptação dos astronautas para caminharem com mais eficiência por lá. Isso resulta nos movimentos observados. Não pense, contudo, que foi só glamour. Conforme as missões foram se sucedendo e os exploradores foram ganhando confiança, começaram a tentar movimentos mais casuais e não raro levaram capotes incríveis em solo lunar (como este da Apollo 16). Para se levantar, tinham de fazer manobras impensáveis – que nenhum truque de câmera lenta poderia reproduzir.
11- Por que não há uma cratera sob o módulo lunar, uma vez que seu motor-foguete foi usado para o pouso?
Os pés do módulo lunar tinham uma haste de quase 2 metros que sinalizava a proximidade com o solo para o desligamento do motor. Assim que ela tocasse o chão, uma luz de contato se acendia na cabine, e o motor era desligado. O último metro e meio de descida era feito em queda livre, com motor desligado. Ou seja, não houve grande exposição do solo à exaustão da tubeira. E o efeito foi ainda mais reduzido pelo fato de o módulo estar realizando um deslocamento horizontal até o momento do pouso.
12- E por que os pés do módulo lunar não afundaram mais no solo, considerando que ele desceu em queda livre o último metro e meio?
Cair na Terra é seis vezes mais agressivo do que cair na Lua. O incremento de velocidade pela gravidade lá era bem pequeno, e o módulo lunar em si pesava um sexto na Lua do que na Terra. Tudo isso contribui para não haver grande afundamento — apenas alguns centímetros — dos pés. Isso sem falar que as hastes de contato se colocavam por baixo dos pés no pouso, reduzindo ainda mais o quanto eles seriam capazes de afundar. (Repare no tamanho da haste e em como ela ficava sob o pé do módulo na foto que abre este texto!)

13- E as estrelas, por que não há estrelas nas fotos?
As câmeras fotográficas estavam reguladas para registrar os detalhes da superfície lunar, não as estrelas. Embora o céu seja escuro pela falta de atmosfera, é preciso lembrar que era dia na Lua, e o solo lunar brilhava vivamente refletindo a luz solar. Mais ainda os trajes brancos dos astronautas. A luz das estrelas era comparativamente muito mais fraca, e só registraria nas câmeras se o filme fosse exposto por muito mais tempo — e aí todas as imagens do solo lunar pareceriam ser um brancão estourado e indistinto. Confira o vídeo a seguir para entender melhor o que se passa. 

CIDADANIA: DECRETO DISPENSA AUTENTICAÇÃO PARA CÓPIAS EM CARTÓRIO

Temer sanciona decreto para desburocratizar serviços no setor público
Decreto foi publicado no 'Diário Oficial da União' e prevê que órgãos busquem documentos em outras repartições para acelerar atendimento a pessoas físicas e jurídicas.

O presidente Michel Temer sancionou nesta terça-feira (18) um decreto que visa diminuir a burocratização dos serviços prestados pelo setor público. O decreto foi publicado no "Diário Oficial da União".

Entre as medidas previstas, está a obrigação dos órgãos buscarem documentos em outras repartições quando precisarem de algum arquivo, e não exigirem que a pessoa física ou jurídica tenha de apresentar o arquivo.

De acordo com o Ministério da Transparência, o decreto tem como objetivo estimular a gestão interna dos órgãos públicos e tornar os procedimentos de trabalho mais produtivos.

Para o contador Haroldo Figueiredo, a unificação de todo o sistema público tende a melhorar a vida da população que depende dos serviços para conseguir emitir certidões e documentos.

"Do jeito que está hoje em dia é muito complicado. Para conseguir emitir um alvará de funcionamento, por exemplo, as empresas levam semanas. E sem o alvará, não se pode abrir as portas e faz com que o empresário não tenha renda. É um prejuízo para o mercado", afirmou.

Em 2016, um estudo feito por um grupo de trabalho, criado pelo ministério para analisar o impacto da burocratização no atendimento ao cidadão, detectou que, à época, 70% dos municípios brasileiros ainda não conseguiam realizar uma integração entre os órgãos para reduzir o tempo de espera para a abertura de empresas.

Desse total, Salvador, Goiânia, Curitiba, Recife, Porto Alegre, Florianópolis, São Paulo e Palmas ainda integravam as estatísticas de cidades sem comunicação entre os órgãos municipais. E os estados de São Paulo, Mato Grosso e Pernambuco sequer estavam integrados com a Receita Federal.

Na contramão da maioria dos municípios, Brasília conseguiu unificar o processo de comunicação entre os órgãos para a prestação de serviço de abertura e fechamento de empresa e o empresários, que antes esperavam cerca de 83 dias para ter a documentação liberada. Agora resolvem com 15 dias.

Autenticação de documentos

Outro ponto de alteração promovido pelo decreto é o fim da exigência do reconhecimento de firma e autenticação de documentos expedidos no Brasil para "fazer prova junto a órgãos e entidades do Poder Executivo Federal" e a autenticação.

Também poderá ser feita a autenticação de documentos a partir de uma cópia autenticada, sem que seja necessário a apresentação de uma via original.

Resultado de imagem para imagens autenticação

Figueiredo também acredita que o fim da exigência de documento original para autenticação de papéis vai facilitar o trabalho, já que despachantes e contadores nem sempre possuem as vias originais dos clientes em mãos.

"Quando uma empresa abre as portas, precisamos pegar toda a documentação dos sócios para fazer o trâmite, mas geralmente eles não entregam os documentos pessoais, porque são necessários para o dia-a-dia. Pelo menos agora, com a possibilidade de usar vias autenticadas para validar um documento, vai ser uma dor de cabeça a menos pra gente", afirmou.

Análise da situação

O grupo de trabalho foi criado especificamente para analisar o impacto da burocratização no atendimento oferecido pelo Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) na concessão de aposentadoria e para o processo de abertura e fechamento de micro e pequenas empresas.

Dentre as análises feitas, o grupo verificou inúmeros problemas no sistema de trabalho de fornecimento desses serviços. Entre eles, a dificuldade de agendamento de datas para atendimento presencial. Durante a avaliação, a data mais próxima para atendimento era de sete meses.

Já para a abertura e fechamento de empresas, o problema identificado foi o de ausência de integração entre os órgãos para acelerar o processo e diminuir o prazo.


quarta-feira, 19 de julho de 2017

COTIDIANO: LIVRO RETRATA A FARSA DO AMBIENTALISMO

Psicose Ambientalista desvenda farsas criadas pelos ambientalistas radicais e pelos ecoterroristas.
A imagem pode conter: texto
Você sabia que não existe comprovação cientifica de que o aquecimento global é criado pelo homem? Você sabia que o CO2 – que para os “ambientalistas” é o responsável pelo aumento da temperatura média do ar e dos oceanos – é benéfico para o homem e para o animal?
E tem muito mais! O que está por trás dos estrategistas verdes? Quais suas intenções e porque divulgam essas mentiras?
Se você quer saber toda a verdade oculta pelos Ecoterroristas, o livro Psicose Ambientalista é leitura obrigatória.
Não há dúvida de que o homem deva usar os recursos da natureza corretamente.
Assim como não há dúvida de que ele nem sempre o faz. Porém, os Ecoterroristas ou Ecoxiitas – como você preferir – querem impor ao homem um estilo e uma condição de vida que o tornam escravo da natureza.
Essa é a chamada Psicose Ambientalista que quer conduzir o Brasil e o mundo para um verdadeiro suicídio coletivo.
Isso mesmo: suicídio coletivo! Essa foi a fonte de inspiração do Instituto Plínio Corrêa de Oliveira na edição do livro Psicose Ambientalista - Os bastidores do ecoterrorismo para implantar uma “religião” ecológica, igualitária e anticristã, elaborado pela Comissão de Estudos Ambientais deste Instituto, sob a orientação de Dom Bertrand de Orleans e Bragança, Príncipe Imperial do Brasil e descendente da Princesa Isabel.
Outro fator motivador para a edição da obra é que, infelizmente, o seu conteúdo não foi, não é e provavelmente nem será divulgado pela grande mídia, que faz questão de esconder a verdade.
Os Ecoterroristas têm objetivos escusos, como acabar com o capitalismo, com o direito de propriedade, impor limites ao progresso econômico e substituir a Lei de Deus pela Carta da Terra.
Mas a verdade acaba de vir à tona.

terça-feira, 18 de julho de 2017

RELIGIÃO: 20 FILMES QUE VÃO AJUDAR VOCÊ A ENTENDER A VIDA

20 filmes espiritualistas que você precisa ver, e que vão te fazer sentir e pensar

Como dica, separamos 20 filmes espíritas importantes para quem deseja um entretenimento com um olhar sobre a doutrina espírita e suas crenças:

1- Nosso Lar (2010)
Dirigido por: Wagner de Assis
https://t.dynad.net/pc/?dc=5550003378;ord=1500401220850
Após a morte do seu corpo físico, famoso médico acorda no mundo espiritual e vai viver numa colônia que paira sobre a Terra, onde terá que aprender novos valores morais e vencer a saudade da família na Terra.
2- Chico Xavier (2010)
     Dirigido por Daniel Filho  


Chico Xavier é uma adaptação para o cinema que descreve a trajetória do médium Chico Xavier, que viveu 92 anos desenvolvendo importante atividade mediúnica e filantrópica. Vida conturbada, com lutas e amor. Seus mais de 400 livros psicografados, consolaram, pregaram a paz e estimularam caridade. Fenômeno? Fraude? Os Espíritos existem? Para os admiradores mais fervorosos, foi um santo. Para os descrentes, no mínimo, um personagem intrigante.
3- Bezerra de Menezes: O Diário de um Espírito (2008)
Dirigido por: Glauber filho e Joe Pimentel
O universo sertanejo permeia a trama dessa cine-biografia de Bezerra de Menezes desde sua infância, passando pela adolescência até a vida adulta. Aos dezoito anos, o protagonista inicia no Rio de Janeiro seus estudos de medicina. Na então Capital da República, elegeu-se vereador e deputado em várias legislaturas e defendeu as idéias abolicionistas. Mas o que lhe trouxe o maior reconhecimento de seu povo foi o trabalho anônimo realizado em prol dos desfavorecidos. Por conta disso, ficou conhecido como o “Médico dos Pobres”. Seja como político devotado às causas humanitárias ou como médico conhecido por jamais negar socorro a quem batesse à sua porta, Bezerra de Menezes tornou-se um exemplo de homem e escreveu uma história de vida marcada pelo amor e pela caridade.
4- E a vida continua (2012)
Dirigido por: Paulo Figueiredo


Quando o carro da bela e jovem Evelina (Amanda Costa) quebra na estrada, ela não faz ideia de como seus caminhos serão profundamente alterados para sempre. Socorrida pelo gentil Ernesto (Luiz Baccelli), Evelina logo fica sabendo que tanto ele como ela estão indo exatamente para o mesmo hotel. Coincidência? Talvez, mas Ernesto não acredita em coincidências. Imediatamente eles desenvolvem uma amizade tão sólida que persistirá quando ambos passam para o outro plano. Será ali, do outro lado da vida, que Evelina e Ernesto enfrentarão enormes dificuldades e desafios, onde não faltarão surpresas e surpreendentes revelações?
5- Minha vida na outra vida
Dirigido por: Marcus Cole

Pela primeira vez na história, um filme retrata, com fidelidade, lógica e respeito, a reencarnação, tema de interesse de milhões de pessoas em todo o mundo. Baseado em fatos reais relatos no livro autobiográfico de Jenny Cockell, Minha Vida na Outra Vida conta a história de Jenny, uma mulher do interior dos Estados Unidos, que tem visões, sonhos e lembranças de sua última encarnação, como Mary, uma mulher irlandesa que faleceu na década de 30. Intrigada, Jenny sai em busca de seus filhos da vida passada. Tem início uma jornada emocionante. Jenny é magistralmente interpretada pela renomada atriz Jane Seymour, de Em Algum Lugar do Passado. Só, que desta vez, não se trata de ficção, mas de realidade.
6- A data limite de Chico Xavier (2014)
Documentário

Especialistas em ufologia afirmam que após a explosão das bombas de Hiroshima e Nagasaki, houve um aumento considerável no número de avistamentos de OVNIs (Objetos voadores não identificados) em todo o mundo.

Pouco mais de duas décadas depois, o médium brasileiro Chico Xavier confidenciava aos companheiros mais próximos que, por ocasião da chegada do homem à Lua em 20 de julho de 1969, acontecera uma reunião com as potências celestes de nosso sistema solar para verificar o avanço da sociedade terrena. Decidiram pois, conceder à humanidade um prazo de 50 anos para que evoluísse moralmente e convivesse em paz, sem provocar uma terceira guerra mundial.


Se assim convivesse até a Data Limite, a humanidade estaria, a partir de então, pronta para entrar numa nova era de sua existência, e feitos magníficos seriam verificados por toda a parte, inclusive os nossos irmãos de outros planetas estariam autorizados expressamente a se apresentarem pública e oficialmente para os habitantes da Terra.
7- Causa e Efeito (2014)
Dirigido por: André Morouço
O filme é um drama espírita que conta a história de Paulo, um policial que tinha uma vida tranquila até que um motorista alcoolizado atropela e mata sua esposa e filho. O motorista não é preso e revoltado Paulo torna-se justiceiro. Contratado para dar fim a uma garota de programa chamada Madalena, ele se sensibiliza com a história dela e coloca-se em fuga com a moça. Na fuga, o casal se apaixona e juntos reajustam suas condutas de vida, auxiliados por um trio de religiosos: um padre, um pastor e um espírita. Ao longo da trama os protagonistas alcançam o amor, a paz e a iluminação.
8- O filme dos espíritos (2011)
Dirigido por: André Mouroço
O filme conta a história de Bruno Alves que, por volta dos 40 anos, perde a mulher e se vê completamente abalado. A perda do emprego se soma à sua profunda tristeza e o suicídio lhe parece a única saída. Nesse momento, ele entra em contato com O Livro dos Espíritos, obra basilar da doutrina espírita. Há também uma dedicatória no exemplar: “esta obra salvou-me a vida. Leia-a com atenção e tenha bom proveito.” A partir daí, o protagonista da história começa uma jornada de transformação interior rumo aos mistérios da vida espiritual.
9- Antes que termine o dia (2004)
Dirigido por: Gil Junger
Ian (Paul Nicholls) e Samantha (Jennifer Love Hewitt) formam um casal feliz e cheio de planos para o futuro. Enquanto Samantha busca demonstrar seu amor a todo momento, Ian procura voltar sua atenção para a carreira e os amigos. Após um dia em que tudo deu errado, eles terminam o namoro. Entretanto um acidente faz com que a vida deles mude de rumo. No dia seguinte Ian percebe que acordou novamente no dia anterior, tendo a chance de refazer tudo o que tinha feito antes, só que agora da forma correta.
10- O sexto sentido (1999)
Dirigido por: M. Night Shyamalan
O psicólogo infantil Malcolm Crowe (Bruce Willis) abraça com dedicação o caso de Cole Sear (Haley Joel Osment). O garoto, de 8 anos, tem dificuldades de entrosamento no colégio e vive paralisado de medo. Malcolm, por sua vez, busca se recuperar de um trauma sofrido anos antes, quando um de seus pacientes se suicidou na sua frente.
11- A casa dos espíritos (1993)
Dirigido por: Billie August
A história do Chile da década de 20 aos anos 70 é contada através da saga da família Trueba, que começa com a união de um homem simples (Jeremy Irons), que fica rico, com uma jovem (Meryl Streep) de poderes paranormais. A saga se desenvolve até esta família ser atingida pelo golpe militar, que no início da década de 70 derrubou o presidente Salvador Allende.
12 – As cinco pessoas que você encontra no céu (2004)
Dirigido por: Lloyd Kramer
Eddie era um jovem que cresceu em meio a guerras, trabalho árduo e uma educação rígida. No dia em que completa 83 anos, ele sofre um acidente no parque de diversões onde trabalhou a vida inteira. Quando ele se dá por si, tudo o que ele sente é que passou uma vida sem propósito, sem rumo….E o que se sucede é uma revisitação de sua vida por 5 pessoas, umas que ele conhece, outras que ele não tinha a menor ideia de quem eram, mas cujas vidas estavam de alguma forma ligadas à dele. Cada uma dessas pessoas revê com Eddie uma passagem de sua vida, resolvendo antigos mistérios, dissolvendo antigas mágoas, revivendo antigos amores. A cada experiência fica mais claro a grande importância de Eddie na vida de milhares de pessoas sem que ele se desse conta, provando que cada vida está ligada a outra de formas que muitas vezes não entendemos.
13- Os outros (2001)
Dirigido por: Alejandro Amenábar
Durante a 2ª Guerra Mundial, Grace (Nicole Kidman) decide por se mudar, juntamente com seus dois filhos, para uma mansão isolada na ilha de Jersey, a fim de esperar que seu marido retorne da guerra. Como seus filhos possuem uma estranha doença que os impedem de receber diretamente a luz do sol, a casa onde vivem está sempre em total escuridão. Eles vivem sozinhos seguindo religiosamente certas regras, como nunca abrir uma porta sem fechar a anterior, mas quando eles contratam empregados para a casa eles terminam quebrando estas regras, fazendo com que imprevisíveis consequências ocorram.
14- O Mistério da Libélula (2002)
Dirigido por: Tom Shadyac
Joe Darrow (Kevin Costner) é um médico que ficou viúvo recentemente e acredita que sua falecida esposa, Emily (Susana Thompson) esteja tentando falar com ele do mundo dos mortos, usando para isso pacientes que estejam à beira da morte. Além disto, Joe passa a ser perseguido por estranhas e misteriosas libélulas, que o fazem se lembrar cada vez mais da falecida esposa.
15- A casa do lago ( 2006)
Dirigido por: Alejandro Agresti
Kate Forster (Sandra Bullock) é uma médica solitária, que morava em uma casa à beira de um lago. Hoje esta casa é ocupada por Alex Wyler (Keanu Reeves), um arquiteto frustrado. Kate passa a trocar cartas com Alex, com quem mantém um relacionamento à distância por 2 anos. É quando, ao se descobrirem apaixonados um pelo outro, eles buscam um meio de se encontrar.
16- Amor além da vida
Dirigido por: Vincent Ward
Em “Amor Além da Vida”, o céu não é simplesmente um espaço branco e cercado por nuvens. É, então, em um cenário que lembra os traços de uma pintura fresca para onde Chris Nielsen (Robin Williams) vai após sua morte. Tudo perfeito, até ficar sabendo que sua mulher, Annie (Annabella Sciorra), não aguentou a dor de ficar sozinha e se matou. Como suicida, ela é enviada a um local obscuro, distante dele, e não será mais capaz de reconhecê-lo caso o encontre. Mas isso não o impede de ir atrás de seu grande amor.
17- Ghost – Do Outro Lado da Vida
Dirigido por: Jerry Zucker
“Ghost – Do Outro Lado da Vida”, que ganhou o Oscar de melhor roteiro original e melhor atriz coadjuvante, encanta até mesmo quem não é adepto do espiritismo. O longa conta a história de amor do casal Sam (Patrick Swayze) e Molly (Demi Moore) que vivem juntos na cidade de Nova Iorque. Após um assalto, Sam acaba morto, mas permanece como fantasma na terra e mantém contato com Molly através de uma falsa médium.
18- Passageiros (2009)
Dirigido por: Rodrigo García
Claire Summers (Anne Hathaway) é uma jovem terapeuta designada por Perry (Andre Braugher), seu mentor, a dar orientação psicológica aos cinco sobreviventes de um terrível acidente aéreo. Ela enfrenta problemas ao ser confrontada por Eric (Patrick Wilson), que recusa sua ajuda e usa o acidente para tentar cortejá-la. Isto faz com que, paralelamente, Claire lute contra as iniciativas de Eric e os demais pacientes enfrentem dificuldades com as lembranças do acidente, distintas das explicações oficiais fornecidas pela companhia aérea.
19-Um olhar do Paraíso (2009)
Dirigido por: Peter Jackson
Após ser brutalmente assassinada aos 14 anos, Susie Salmon (Saoirse Ronan) continua preocupada em cuidar da sua família. Presa em um espaço entre o céu e o inferno, ela precisa lidar com um paradoxo de sentimentos: o desejo de vingança contra seu assassino e a vontade de ver sua família seguir com a vida em frente e superar sua morte traumática.
20- Além da Eternidade (1989)
Dirigido por: Steven Spielberg
Neste filme de Steven Spielberg, Pete Sandich (Richard Dreysfuss) é um piloto que costuma abusar da sorte com manobras arriscadas. Em uma de suas missões, após salvar seu melhor amigo, seu avião pega fogo e explode. Morto, ele encontra um anjo, que explica que a sua função agora é justamente ajudar outros pilotos quando eles mais precisarem, como uma espécie de anjo da guarda.

DIREITO: LEI ASSEGURA JORNADA MENOR PARA SERVIDOR


https://blogdosrsiape.com
 jornada

Lei assegura jornada menor para servidor – O servidor que tenha uma pessoa com deficiência na família, seja uma esposa, um marido ou filhos e outros dependentes, também terá direito ao horário especial de trabalho, com redução de carga horária, sem a necessidade de compensação das horas.
A decisão consta na Lei 13.370/2016, que alterou alguns pontos da Lei 8.112/1990, que dispõe sobre o regime jurídico dos servidores públicos.

Para contar com o benefício, é preciso que a deficiência seja comprovada por junta médica especial. No site da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas  (Progesp), é possível ter acesso ao formulário para solicitação do benefício.

Confira os procedimentos:

  • 1.   Após preenchimento de formulário padrão, o servidor abrirá o processo e o encaminhará à Secretaria do Departamento de Atenção à Saúde;
  • 2.      A Secretaria fará o agendamento de perícia em Junta Médica Oficial e comunicará ao servidor por telefone e e-mail a data e o horário do comparecimento;
  • 3.      No dia agendado, o servidor acompanhado de seu familiar deverá apresentar laudo médico original e sem rasuras, informando o Código Internacional de Doenças  CID;
  • 4.      O familiar do servidor será avaliado pela Junta Médica Oficial, que poderá requerer exames complementares ou a avaliação do caso por médico especialista;
  • 5.      A Junta Médica Oficial somente aceita documentos originais, sem rasuras, com carimbo e assinatura do médico. Atestados emitidos por familiares dos servidores não serão aceitos pela Junta Médica Oficial;
  • 6.      Poderá ser solicitado, pela Junta Médica Oficial, o que for necessário e passível de comprovação para que haja a convicção dos peritos. A Junta Médica Oficial poderá valer-se ainda de pareceres da equipe multiprofissional a fim de subsidiar sua decisão;
  • 7.      A concessão do horário especial objetiva possibilitar ao servidor se ausentar do local de trabalho para prestar assistência ao cônjuge, filho ou dependente com deficiência, sem necessidade de compensação de horário.
As normas tratam do regime jurídico dos servidores públicos civis da União, das autarquias e das fundações públicas federais, ou seja, essa legislação não abrange os servidores públicos estaduais e municipais. Esses casos são regidos por leis próprias.
Garantia do direito

Segundo o Ministério dos Direitos Humanos, caso o servidor tenha dificuldade em fazer cumprir a legislação, deve, primeiramente, buscar o setor de gestão de pessoas do órgão. Se a dificuldade permanecer, as instâncias superiores devem ser procuradas, chegando até, se necessário, à área de gestão de pessoas de servidores públicos do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão. 

RELIGIÃO: MAU-OLHADO EXISTE OU NÃO EXISTE?

Mau-olhado – O que é o olho gordo?

http://www.spiritualresearchfoundation.org

Evil eye – What is the evil eye?
1. Mau-olhado – Uma introdução
Muitas culturas no mundo acreditam que através dos nossos pensamentos ou através de um olhar invejoso, uma pessoa é capaz de causar danos aos outros, sobe a forma de doenças, ferimentos ou até mesmo a morte. Embora existam muitos termos diferentes para este fenômeno, vamos usar o termo “mau olhado” neste artigo.

Em nossa série de artigos sobre o mau-olhado, vamos explicar o que é mau olhado, como podemos tornar-se aflitos pelo olho do mal, os sintomas que podem ocorrer se estamos aflitos pelo olho do mal, e o que podemos fazer para removê-lo.
2. O que é o olho gordo?
O mau-olhado é um termo usado para descrever o processo de ser afligido por Raja-Tama vibrações de uma outra pessoa. A outra pessoa pode nos afligir com o olho do mal, intencionalmente ou não.

No mundo competitivo e materialista de hoje, a maioria das pessoas tem defeitos e vícios na personalidade, tais como o ciúme, o ódio, a fome de sua publicidade, etc Raja-Tama são vibrações geradas a partir desses vícios que tem um efeito espiritualmente angustiante sobre nós. É este conceito que é de ser atingidas pelo mau-olhado. Angústia experimentada devido a ser afetado ou possuído por energias negativas (fantasmas, demônios, diabos, etc) também é um tipo de aflição pelo mau-olhado.

Enquanto o olho do mal foi visto por muitas pessoas como uma pura superstição e um fenômeno que não tem direito racional, eles não conseguem reconhecer ou entender como vários aspectos da dimensão espiritual pode ter um efeito direto sobre nós. Através de nossa pesquisa sobre os vários métodos e rituais para remover o mau-olhado, temos verificado que os indivíduos que os rituais foram realizados em experimentaram tem um alívio imediato de vários problemas que eles sofreram, que não poderia ser aliviada por meios convencionais.
3. Quem ou o que podem ser atingidas pelo mau olhado?
O mau-olhado pode ser lançado em alguém ou alguma coisa. Isto inclui um indivíduo, de um animal, planta, bem como objetos inanimados.
4. Como uma pessoa pode ser aflito por o mau olhado?
Um aspirante que tem capacidade de sexto sentido avançado, a Sra. Priyanka Lotlikar, desenhou a imagem sutil abaixo baseada em conhecimento sutil que mostra o seu efeito sutil quando ela observou quando uma pessoa lança mau-olhado em outro indivíduo.

Subtle picture observed when a person casts evil eye on another

O desejo orientados das ondas geradas em uma pessoa sobre um outro indivíduo são transmitidos para o indivíduo e um olho mau se lança sobre eles. A partir da imagem sutil, podemos ver que o fluxo de energia transmitida para a outra pessoa é Raja-Tama predominante e ataca o corpo denso (sthūladēha), corpo vital (prāṇa-dēha), corpo mental (manodēha) e o corpo causal (kāraṇdēha). Isso cria uma cobertura sutil negra em torno do indivíduo e, conseqüentemente, a angústia experiências individuais.

Abaixo listamos alguns disparadores de aflição pelo mau-olhado.

4.1 Através dos pensamentos desejosos

Às vezes, quando as pessoas vêem uma criança sorridente e saudável, sem saber que eles tem alguns pensamentos dos desejos-relacionados. Como esses pensamentos são Raja-Tama predominante, a criança fica aflita negativamente como seu corpo sutil é muito sensível.

Outro exemplo é quando uma mulher usa roupas provocantes. Os indivíduos do sexo oposto podem ter pensamentos desejosos sobre ela. Quando estes pensamentos são gerados na mente, eles aumentam o Raja-Tama do indivíduo tendo os pensamentos desejosos e afetam a mulher alvo, bem como os outros no ambiente.

4.2 Através de pensamentos invejosos

Em algumas situações, uma energia individual ou negativo fica em pensamentos ruins sobre uma pessoa, um animal ou um objeto ou sente inveja do seu sucesso. As vibrações negativas geradas afetam o animal, pessoa ou objeto.

Uma senhora que experimentou depois de participar de uma competição de dança e alcançar o primeiro lugar, ela adoeceu e ficou acamado no dia seguinte. Depois que sua mãe realizou um ritual para remover o olho do mal, ela imediatamente ficou recuperada. Como ela tinha conseguido o primeiro lugar na competição, os outros competidores contra ela haviam tido pensamentos invejosos sobre ela e isso teve um efeito direto sobre ela.

4.3 Através de magia negra

A magia negra é um termo usado para descrever um ritual onde mantras específicos e ferramentas são utilizadas com um objetivo específico de causar dano a outro indivíduo. Há algumas pessoas na sociedade, bem como as energias negativas de nível superior que realizam rituais com magia negra. Muitas vezes, as pessoas na sociedade que realizam magia negra fazê-lo sob a influência de energias negativas.

No caso de serem atingidas pelo mau-olhado que não seja através de magia negra, o poder da intenção por trás lançando o olho do mal de uma pessoa pode ser de até 30%, no entanto, se mal olhado é lançado através de magia negra, em seguida, o poder da intenção é acima de 30% e é mais grave.

4.4 Através das energias negativas

Black EnergyIndivíduos que estão angustiados por energias negativas são afetados pela energia negra, que é liberado de energias negativas. Esta é também uma forma de serem atingidas pelo mau-olhado.

Aspirantes de Deus que fazem a prática espiritual para o benefício da sociedade (samashṭi sādhanā) estão na vanguarda da atenção de energias negativas. Como eles estão trabalhando para o estabelecimento do Reino Divino, as energias negativas que desejam estabelecer um Reino Demoníaca, agem para causar angústia aos aspirantes.

Apesar dos ataques de energias negativas, os aspirantes de Deus tem acesso a proteção Divina e sua prática espiritual que lhes permite superar o sofrimento e os obstáculos colocados pelas energias negativas.

4.5 A força do mal olhado depende em que?

A tabela abaixo apresenta uma comparação entre as diferentes fontes de aflição por mau-olhado, a sua intensidade e o poder espiritual por trás deles. 

What does the strength of evil eye depend on?
5. As sintomas de ser aflito pelo mau-olhado
Alguns sintomas de serem aflitos pelo mau-olhado incluem:

Problemas físicos
Vícios, doenças repetidas, doenças de pele recorrentes, cefaléias intensa, dores de ouvido, dores nos olhos, desmaios, entorpecimento dos membros, palpitações, redução de calor do corpo, e sentindo a fraqueza
Problemas mentais
Tensão constante e depressão, medo excessivo, aumento nos pensamentos desnecessários e dúvidas sobre os outros
Problemas educacionais
reprovando em exames, apesar de muito estudo, e esquecendo muito apesar de um bom intelecto
Os problemas financeiros
não tendo emprego, fracasso nos negócios, recorrendo perdas financeiras ou sendo enganado
Problemas conjugais e familiares
não se casando, discórdia conjugal, infertilidade, partos prematuros, o nascimento de uma criança mental e fisicamente deficiente, crianças morrendo numa idade jovem

Os sintomas de serem atingidas pelo mau-olhado são muito semelhantes a um outro problema espiritual conhecida como problemas ancestrais. Apenas uma pessoa espiritualmente evoluída (acima do nível espiritual de 70%) seria capaz de saber a causa exata espiritual do problema que estamos enfrentando. Por isso, seria melhor executar as soluções para ambos os problemas ancestrais e para o mau-olhado, se você está enfrentando os sintomas acima.
6. O olho gordo nos tempos de hoje
Na era atual de Kaliyug, como a maioria das pessoas não estão fazendo a prática espiritual, o componente Tama dentro deles e no meio ambiente são muito altas. Várias impressões na mente, como inveja, ganância, etc são predominantes e muitas pessoas têm fortes ligações com coisas mundanas. Todos estes pensamentos estão associados com o desejo das respostas orientadas. Como essas impressões e desejos são dominantes na sociedade de hoje, o componente Tama deles afeta cada pessoa de uma forma ou de outra. Devido a estas razões e porque a atividade de energias negativas também é alta, a incidência de mau-olhado nos tempos de hoje é alto.
7. Métodos de remoção do mau olhado e a importância da prática espiritual como meio de proteção contra o mau-olhado
Existem vários métodos de remoção do olho mau uso de substâncias diferentes que têm a capacidade de absorver as vibrações negativas. Depois disso, as substâncias são queimados ou imerso em água.

Em nossos outros artigos que discutem o ritual para remover o mau olhado e partes em detalhe os vários métodos um pode realizar.

Estes métodos incluem:

·         Método: sal e sementes de mostarda
·         Método: sal, sementes de mostarda e pimenta
·         Método: Coco
·         Método: Alum
Embora os métodos acima eficazes na obtenção de alívio imediato dos efeitos do mau-olhado, é apenas uma solução temporária, como um podem ser afetadas pelo mau-olhado novamente, mesmo depois de ter sido dispensado do mesmo. Ao fazer a prática espiritual regular de acordo com os seis princípios básicos da prático espiritual, um escudo sutil que nos protege do mau olhado é formado em torno de nós e nós somos capazes de absorver ondas Divinas da atmosfera para uma maior amplitude.